8 de jan de 2011

A volta de Flashpoint



O site Tv Guide.ca fez uma matéria bem interessante sobre a volta de Flashpoint as telas Canadenses. Fiquem agora com a matéria traduzida:

PS: Contém muitos spoilers do episódio "Collateral Damage" (pra quem não assistiu ainda , não recomendo que leiam)

-------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
A vida de Ed está na linha no retorno estelar de Flashpoint

Parabéns à CTV para não se incomodar de esperar pela CBS. Em vez de deixar os episódios de Flashpoint esperarem na prateleira, enquanto o drama do co-produtor, The Eye, fica em suas mãos, a CTV está deixando o próximo conjunto de episódios frescos ir ao ar.

O novo episódio da noite passada, "Collateral Damage", foi Flashpoint no seu melhor. A força da série sempre foi a escrita tensa e a capacidade dos escritores principais, os produtores executivos Stephanie Morgenstern e Mark Ellis e sua equipe de escritores que entrelaçam as histórias pessoais de seus personagens com a força principal das missões das SRU.

O escritor Aaron Brindle habilmente paralela o caso de um homem acusado de agitar sua filha bebê até a morte com Ed Lane e a chegada iminente de seu próprio filho. O convidado Jonathan Scarfe (Raising the Bar, The Glades) foi Frank, o pai que fujiu ao ser levado para a cadeia um dia após o depoimento no tribunal, mas todos os acusaram do crime. O destino interveio durante a viagem de prisão, quando um companheiro prisioneiro encenou uma fuga e Frank fez bem em sua fuga. Sabendo que ele era inocente, Frank invadiu sua casa pegou a esposa (This is Wonderland - Cara Pifko ) e se dirigiu para o escritório do legista para limpar seu nome.


A equipe chegou, e foi Ed que entrou na briga, desarmado, para distrair o homem da violência enquanto implorava ao legista a testar novamente seu depoimento. No fim de tudo, aprendemos que o legista se confundiu, e que o bebê morreu de meningite. Dia feliz, até que Ed recebe o telefonema de que sua esposa, Sophie (Janaya Stephens), estava tendo complicações com sua gravidez e foi levada às pressas para o hospital. Um final feliz estava lá também - a filha e a mãe estão bem - mas foi o ponto de exclamação em um episódio que mostrou a linha tênue que existe entre a euforia e a tragédia, uma linha que Flashpoint explora todas as semanas.

--------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
Fonte: TV Guide.ca

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comentários com spams, propagandas, correntes, assuntos fora do contexto da matéria ou do Fansite e conteúdos ofensivos, serão excluídos, assim também como comentários anônimos.