29 de nov de 2012

Hoje tem episódio novo: "Fit For Duty"


 SPOILERS ABAIXO - 5° Temporada

Novo episódio hoje a noite na CTV : "Fit For Duty".  Esse é o episódio 11, depois desse vem a finale, "Keep The Peace I" no dia 6 e "Keep the Peace II" dia 13.

Esse epísódio de hoje a noite, é escrito por Adam Barken e tudo indica ser um grande episódio para o Ed.

Sinopse: "Quando um músico brilhante, mas perturbado, ameaça a vida de bebê de um vizinho, Team One é forçado a fazer a chamada final."

22 de nov de 2012

Novo episódio hoje : "A World of Their Own"


Hoje vai ao ar pela CTV o 10° episódio da última temporada de Flashpoint  "A World of Their Own". Entramos na reta final da série, depois desse, só faltarão mais 3, o 11° "Fit for Duty" e o 12° e 13° "Keep The Peace I e II" que serão os episódios da finale dividida em duas partes.

Sinopse de "A World of Their Own":  Um garoto surdo e um lugar onde ele se sente mais seguro são protegidos pelo seu desesperado tio.

18 de nov de 2012

Review e comentários de "Forget Oblivion"


E vamos aos comentários do 7° episódio, " Forget Oblivion":

*SPOILERS ABAIXO*


Nem vou comentar muito sobre o desenvolvimento história, porque quero colocar um ponto. Praticamente durante toda a série, vimos uma grande amizade entre Greg e Ed, e nesse episódio não foi diferente. Sinto falta de um diálogo mais aberto de Ed com outros membros da equipe. É sempre Greg que para pra ouvir, sempre Greg que tá lá pra ajudar, sempre Greg, só ele que entende o Ed.
 
Lógico, todos nós temos os melhores amigos que gostamos de compartilhar coisas, mas como eles mesmos falam que são família, acredito que Ed poderia ter um desenvolvimento maior, dividir todo esse problema de ter matado uma menina com os outros também. 

É claro que nem tudo ele deve contar, todo mundo tem seus segredos e talvez ele não queira dividir, mas eles são muito amigos amigo, todos viram o que Ed passou, até mesmo para segurança do time, certas coisas tem que ser divididas com os outros sim. Como foi o caso de Wordy, onde Ed pressionou tanto Wordy e o próprio Greg por não ter contado nada e colocado em risco a segurança do time, o mesmo pode acontecer com Ed, até onde ele pode ir sem congelar? Mas não digo só nesse caso da menina, acho que falta realemnte um entrosamento maior do Ed com os personagens.

E o que eu gostei bastante nesse episódio, foi exatamente Ed e Sam no ínicio, ele não contou o que aconteceu, mas teve um diálogo com outro personagem da série.

Review e comentários de "Below The Surface"


E vamos ao review do 6° episódio da 5° temporada, "Below The surface".

                                                         *SPOILERS ABAIXO*



Esse episódio veio mostrar um pouco mais da relação pai/mãe e filho, especialmente porque tivemos a volta de Dean Parker. O garoto aparece na SRU com problemas, e Greg tenta logo ver o lado negativo, sem ouvir o filho. Mas durante a missão do dia em que envolvia uma mãe que tinha perdido o filho, Greg começa a dar mais valor a esses momentos com Dean.

E o caso do dia vem contar a história de uma detetive investigando uma gangue de motoqueiros. E quem menos ela esperava, se envolveu com a gangue para ajudá-la, Luke, melhor amigo de EVan que se culpa pela morte do amigo.Ele se arrisca e com a ajuda do time sai ileso e com a missão cumprida. Tudo que restava era ter uma boa conversa com Kate.

Gostei de ver o Dean de volta, e essa relação mais profunda dele com Parker, tomara que ele realmente venha a ser um policial, como já expressou essa vontade lá em "Slow Burn", ele provou que pode ser, mantendo a paz e salvando o dia, na sua maneira.

Review e comentários de "Sons Of The Father"


Mais um episódio emotivo, dessa vez o 5° da última temporada, "Sons Of The Father."

  *SPOILERS ABAIXO*


As reviravoltas são coisas que acontecem frequentemente em Flashpoint, e não foi diferente com o caso do dia envolvendo, a enfermeira Peggy que acaba sendo sequestrada por um SERIAL kILLER, um cara aparentemente normal, mas sofre com lembranças de seu pai matando sua mãe, cena que assistiu com seu irmão Allan. A mãe era doente e o pai não queria mais vê-la sofrer.

Gostei muito da parte final onde time corre contra o tempo para achar a enfermeira dentro do teatro, enquanto Greg tenta a negociação com Collin.

Parte mais do que tocante foi a cena final onde voltamos lá no primeiro episódio, voltamos a ver os resultados de Broken PEace... a mãe de May indo conversar com Ed. 

Sem dúvida, o mais bonito, ela diz que perdoa ele por ter matado May. Ed cai em lágrimas, realmente deve ter pensado que ela iría culpá-lo... Foi meio inesperado vê-lo tão frágil, o líder sem medo, sentiu na alma e saiu.

15 de nov de 2012

Novo episódio hoje na CTV : "Lawmen"


 Hoje vai ao ar o 09 episódio da última temporada: "Lawmen"

Sinopse: Dean, filho de Parker e Clark, filho de Ed se juntam ao Team One em um passeio. Mas, quando um tiroteio em um antro de drogas revela uma conspiração entre policiais locais para limpar o bairro, os meninos são expostos a realidade brutal dos empregos de seus pais, e o verdadeiro custo de ser um policial.

8 de nov de 2012

Novo episódio hoje a noite: "We take Care of Our Own"


 Hoje a noite pela CTV vai ao ar o 8° episódio da 5° temporada: "We Take Care Of Our Own". Pelo que sabemos parece que é um episódio do Sam.

Sinopse: "A equipe é enviada para rastrear os ex-soldados no qual comandam um caminhão blindado contendo mais de dois milhões de dólares."


6 de nov de 2012

Votação!!!


Olá Flashpointers! Estamos com uma nova votação no blog. Vamos mudar as cores e o banner do blog, para dar uma cara nova pra essa temporada. Para isso gostaríamos que vocês nos ajudassem a escolher o novo banner do Flashpoint-Brasil.

Pra votar é simples, é só ir na nossa página no facebook e curtir a foto que você mais gostou entre cinco opções. "CURTIDAS", COMPARTILHAMENTOS E RT serão contabilizados como voto, assim você tem 3 chances de votar no seu preferido.

No twitter é só RT uma das fotos que vamos postando durante a semana, e vamos postar os 5 banners.

Então galera, esse é o link : Facebook FPBR, é só curtir!

5 de nov de 2012

Review e comentários de "Eyes In"

*SPOILERS ABAIXO*



O quarto episódio da quinta temporada, entitulado "Eyes In" foi o episódio do Spike e pra quem é fã dele,  esse episódio foi um prato cheio...tecnologia, hackers e tudo mais.

A história foi interessante e começa bem movimentada com um caminhão cheio de amonia, descontrolado ameaçando destruir tudo por onde passa, e lá se vai o Team One pra salvar o dia. Bem legal Jules e Ed no alto da ponte tentando parar o caminhão, e que super arma é aquela? Gostei.

Mas vamos falar de Stuart, ele fazia um jeitão meio Spike, timido e apaixonado por Rebecca, acho que houve uma identificação legal com Spike, tanto que foi ele que negociou e tirou Stu do alto do prédio. Por mais que tenha sido uma cena bem legal dos dois, achei meio inadequada...vou explicar: Jules e Spike foram ao apartamento ..ok...se fosse uma história real, um momento real, eu jamais permitiria um especialista em bomba negociar com um suicida tendo uma segunda negociadora no local...sacam? Lógico, é ficção e o Spike fez a negociação muito bem, até por ele se identificar com o Stu,mas ficou meio sem sentido...se fosse eu fosee escrever, teria deixado Jules em outro local e levaria o Spike sozinho ou com alguém que não fosse negociador.

Bem, e tivemos também a introduçao de "Spinnie"..Spike+Winne...Será que vai vingar esse romance? Winnie deu um fora no Spike... sinceramente não gostou muito do casal, acho que já temos o casal principal dentro do time, querendo ou não a Winnie faz parte deles, mas ficaria uma coisa repetitiva...de novo Jules e Sam? Claro que eu quero que o Spike arrume uma namorada, mas acho que Winnie não é uma boa  combinação, apesar de gostar dela...de repente teremos a volta da Nat e o romance volte a acender...? Só esperando.

Review e comentários de "Run To Me"

 *SPOILERS ABAIXO*


E vamos com a review de "Run to Me" , o terceiro episódio da última temporada.

Sinceramente esperava mais desse episódio que tanto foi falado por MArk Ellis no twitter, o famoso episódio da Jules, onde viríamos a conhecer um pouco mais da sua personagem. Só que tudo que foi falado a gente já sabia, a história da Jules ser uma adolescente rebelde, e ter sido salva por uma policial estava na biografia dela lá na primeira temporada, no site da CTV. Estava esperando alguem da família da Jules aparecer, um dos 4 irmãos, ou alguma outra história, mas não rolou. Até agora, foi a única personagem em que não tivemos nenhum membro da família envolvido, o que descepciona um pouco.

A história também não foi tão emocionate, mas teve seus momentos, como por exemplo quando Jules entrega o relógio para a menina, e nele tinha um GPS (bem inteligente da parte dela), e ela fala: "Se tiver que correr, corra direto pra mim". Senti a Jules um pouco mãe e foi legal vê-la sendo bem focada, com seus momentos. Amy Jo foi muito bem, mas eu acho o realmente o que não ajudou, foi a história e a atriz que interpreta a Sarah, não gostei muito ela, e a propria personagem era bem confusa.

Outra parte que chama a atenção é o tiro dando pela Jules matando o suspeito. Foi uma das grandes reinvidicações pra essa temporada, Jules dando um "scoprio" em alguém., Não foi láo tiro que a gente esperava, como os tiros que tem uma relação maior com a história, como foi o caso do tiro do Ed em "Broken Peace", mas acho que valeu.

Para os  "Jammers" de plantão teve um momento legal do casal no final, e realmente espero que a história deles seja mais desenvolvida.

3 de nov de 2012

Review: "No Kind Of Life"


*CONTÉM SPOILERS*

Acho que podemos dizer aliviados...finalmente um episódio pro Sam! E esse foi "No Kind Of Life". Realmente o oficial Braddock estava precisando de ume episódio onde ele brilhasse. O atirador não tem um episódio desde "Behind The Blue Line", lá na segunda temporada.

A história foi muito bela e singela, sem muita ação mas bem intenso e quando envolve criança então...o coração fica na mão.  E por falar em criança, Peter Dacunha (Curtis) deu show.

Bom, mas o foco todo foi o que faríamos pra proteger alguém? O pai viu o filho em uma situação muito difícil, onde ele foi o culpado.  Fez de tudo, sequestrou o médico, no qual eles tinham uma relação por causa do tráfico, dava pra ver o quanto ele amava o filho, só que o caminho era errado e aquela criança, só tinha ele, se ele tentasse fugir, provavelmente terminaria bem pior. Só que ainda existe pessoas boas no mundo, o médico foi bem bacana em ajudar e ficar com o menino. Por mais que tudo terminasse bem, não era inda um final feliz, o pai, terminou preso.

E tudo isso fez Sam pensar em seu futuro com Jules, e acho q ela não estava esperando essa reação dele. Se colocar no mesmo lugar do traficante, e pensar se estão preparados pra trazer uma criança pro mundo deles, um mundo que nunca se sabe se voltará pra casa vivo, a pergunta que ficou no ar, será que é justo?

Review: "Broken Peace" (Season premiere)


*CONTÉM SPOILERS*

Um episódio com cara de finale, foi assim "Broken Peace", o episódio de estréia da 5° e última temporada de Flashpoint!  Foi tenso, emocionante e como muito drama deixou os fãs sabendo o que esperar dessa temporada.

Um ex-marido agressivo, uma mulher querendo começar tudo de novo com a filha que tinha toda uma vida pela frente...se não fosse o tiro. Afinal de quem é a culpa? Ed que deu o tiro? Greg que autorizou? Jules que deixou a menina escapar? Spike que a levou para o topo do telhado?

Acho que na verdade foi a própria May. A reviravolta acontece em um impulso de salvar a mãe, fez com que o pai se tornasse a vítima. Cena belíssima no topo do hotel Royal York, maravilhosamente dirigido, digna de filme.

E no quartel general da SRU, todos tentando achar o grande culpado, até que Raf não se conforma com as regras. Porque não deixar que ela matasse o pai? Seria fácil se isso acontecesse. Mas regras são regras, eles tem um protocolo a seguir. 

Como a Jules disse, "quando atiramos, atiramos pra matar", não tem essa de tiro na perna, no braço. Qualquer tiro não letal pode levar a espasmos e reflexos que podem colocar muita coisa em risco, inclusive a vida de um policial. Nesse caso a May estava com uma arma em punho desferindo tiros e ameaçando o pai que agora não era mais o bandido. É dificil, mas é assim que a SRU age, salvam vidas mesmo que pra isso, outras vidas precisam ser tiradas. E foi assim que perdemos mais um membro da SRU, Raf, pois pra ele a paz não pode ser mantida assim.

Uma coisa que não gostei muito foi o fato de não falarem mais sobre a saida do Raf, não impediram, como foi com o Wordy, não teve despedida, ele simplesmente se foi.

1 de nov de 2012

Novo episódio hoje a noite : "Forget Oblivion"

 *SPOILERS ABAIXO - 5° temporada*

Hoje a noite vai ao ar o 7° episódio ta última temporada: "Forget Oblivion"

Sinopse: Um jovem amaldiçoado com uma memória perfeita, é sequestrado e forçado a entrar em um centro de pesquisa de alta tecnologia e memorizar o desenho de uma nova "arma inteligente". Ed arrisca sua vida para salvá-lo, enquanto a equipe se depara com uma arma que eles nunca viram antes e um criminoso desesperado o suficiente para usá-la.